skip to main content

Preservação contraditória no centro de São Paulo: degradação das Vilas Preservadas na Baixada do Glicério no contexto da renovação urbana (Operação Urbana Centro)

Canton, André Luiz

Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP; Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas 2007-09-18

Acesso online. A biblioteca também possui exemplares impressos.

  • Título:
    Preservação contraditória no centro de São Paulo: degradação das Vilas Preservadas na Baixada do Glicério no contexto da renovação urbana (Operação Urbana Centro)
  • Autor: Canton, André Luiz
  • Orientador: Seabra, Odette Carvalho de Lima
  • Assuntos: Operação Urbana Centro; Centro De São Paulo; Congelamento; Degradação; Renovação Urbana; Preservação Do Patrimônio; State Of Freezing; Preservation Of Patrimony; Centre Of Sao Paulo; Degradation; Urban Renewal
  • Notas: Dissertação (Mestrado)
  • Descrição: O objetivo desta pesquisa é identificar e compreender a contradição estabelecida entre o processo de degradação das Vilas Preservadas na Baixada do Glicério, localizada na região central da cidade de São Paulo, e a proposta de renovação urbana do mesmo centro por meio da Lei da Operação Urbana Centro (OUC), a qual se utiliza de instrumentos de preservação do patrimônio com a finalidade de possibilitar novas frentes de valorização do capital. O método de investigação, realizado a partir da análise do discurso e das proposições das políticas públicas, possibilitou constatar as diversas formas de operar com a idéia da degradação, diretamente relacionada ao contexto de desinvestimento. Neste contexto, além da política de renovação urbana dirigida ao centro da cidade de São Paulo e consolidada pela lei da Operação Urbana Centro, as noções de degradação e de congelamento também foram consideradas centrais no desenvolvimento desta pesquisa. Assim, como verificado com a análise das determinações da OUC no Glicério, pudemos entender que a degradação, ou ainda, o congelamento de determinadas áreas são produzidos historicamente pelas relações contraditórias contidas no processo de urbanização. São mantidas como frentes de valorização, a serem inseridas no processo de reprodução do espaço, no contexto da renovação urbana. É neste contexto que se caracteriza a preservação contraditória das vilas da Baixada do Glicério analisadas neste estudo, cujo instrumento de proteção acabou por intensificar seu processo de degradação, permanecendo sob o denominado estado de congelamento.
  • DOI: 10.11606/D.8.2007.tde-30012008-115211
  • Editor: Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP; Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
  • Data de publicação: 2007-09-18
  • Formato: Adobe PDF
  • Idioma: Português

Buscando em bases de dados remotas. Favor aguardar.