skip to main content

O Que Gestão Estratégica Tem a Ver com Capitalismo(s)?

Faria, Alexandre de Almeida ; Imasato, Takeyoshi ; Guedes, Ana Lucia Malheiros

Revista de Administração Contemporânea, 01 December 2014, Vol.18(spe), pp.2-21 [Periódico revisado por pares]

Texto completo disponível

Citações Citado por
  • Título:
    O Que Gestão Estratégica Tem a Ver com Capitalismo(s)?
  • Autor: Faria, Alexandre de Almeida ; Imasato, Takeyoshi ; Guedes, Ana Lucia Malheiros
  • Assuntos: Management ; Estratégia ; Economias Emergentes ; Capitalismo ; Gestão Estratégica ; Legitimidade ; Strategy ; Emerging Economies ; Capitalism ; Strategic Management ; Legitimacy ; Business
  • É parte de: Revista de Administração Contemporânea, 01 December 2014, Vol.18(spe), pp.2-21
  • Descrição: Os debates acerca do capitalismo no contexto de sucessivas crises da globalização neoliberal, apesar de negligenciados pela literatura de gestão estratégica (GE), são de central importância para estrategistas e acadêmicos de economias emergentes. Informados pela hegemonia do capitalismo histórico ocidental e, em resposta à vinculação da literatura de GE dos EUA aos discursos do capitalismo neoliberal como opção única, a literatura europeia abraçou a teoria de variedades de capitalismo e construiu a abordagem de estratégia como prática social. Por meio de um diálogo com a área de estudos internacionais, este artigo discute que a hegemonia euro-americana contemporânea em GE ajuda a construir a autoridade legítima de estrategistas das grandes corporações, tanto a invisibilizar estrategistas euro-americanos de Estado quanto a deslegitimar estrategistas e organizações do resto do mundo que representam outros tipos de capitalismo ou alternativas ao ocidentalismo histórico. Ao final, os autores argumentam que o campo de estratégia no Brasil deve fomentar uma perspectiva de geopolítica do conhecimento em estratégia que ajude a superar algumas das restrições impostas pelo capitalismo histórico ocidentalista e a permitir a difusão de outros tipos de capitalismo e alternativas não ocidentalistas.
  • Idioma: Português

Buscando em bases de dados remotas. Favor aguardar.