skip to main content

A semântica dos signos na arte rupestre: estruturas da cognição

Guedes, Carolina Machado

Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP; Universidade de São Paulo; Museu de Arqueologia e Etnologia 2014-04-15

Acesso online. A biblioteca também possui exemplares impressos.

  • Título:
    A semântica dos signos na arte rupestre: estruturas da cognição
  • Autor: Guedes, Carolina Machado
  • Orientador: Figuti, Levy
  • Assuntos: Arte Rupestre; Cognição; Sinais; Comportamentos Simbólicos; Dispositivos Rupestres; Signs; Rock Art Panels; Rock Art; Cognition; Symbolic Behaviours
  • Notas: Tese (Doutorado)
  • Descrição: Nas últimas décadas a Arqueologia Cognitiva vem lucrando com uma profícua interdisciplinaridade, unindo forças com as ciências do conhecimento, notadamente a Psicologia Evolutiva e as Neurociências, proporcionando ainda nesse debate o surgimento de linhas como a Neuroarqueologia. Em nossa tese propomos analisar os sítios rupestres de temática não-figurativa, ou os chamados sinais, ou ainda os geométricos, das regiões da Cidade de Pedra no município de Rondonópolis/MT e da região do município de Pão de Açúcar/AL a partir de duas abordagens: a análise das organizações dos dispositivos rupestres buscando identificar as associações existentes entre os registros como um todo e a organização simbólica produzida por essas construções. Discutiremos assim questões da cognição humana a partir da articulação das ciências do conhecimento, a Arqueologia Cognitiva e nosso objeto. Trabalharemos com questões das estruturas dos dispositivos rupestres e das estruturas da cognição humana, discutindo ainda as especificidades culturais e as manifestações universalistas.
  • DOI: 10.11606/T.71.2014.tde-28112014-150709
  • Editor: Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP; Universidade de São Paulo; Museu de Arqueologia e Etnologia
  • Data de publicação: 2014-04-15
  • Formato: Adobe PDF
  • Idioma: Português

Buscando em bases de dados remotas. Favor aguardar.