skip to main content
Tipo de recurso Mostra resultados com: Mostra resultados com: Índice

Encontros e desencontros na inclusão escolar de alunos deficientes físicos: uma visão a partir da promoção da saúde

Santos, Bruna Domingos Dos

Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP; Universidade de São Paulo; Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto 2017-09-29

Acesso online. A biblioteca também possui exemplares impressos.

  • Título:
    Encontros e desencontros na inclusão escolar de alunos deficientes físicos: uma visão a partir da promoção da saúde
  • Autor: Santos, Bruna Domingos Dos
  • Orientador: Andrade, Luciane Sá de
  • Assuntos: Crianças Com Deficiência Física; Inclusão Educacional; Perspectiva Histórico-Cultural; Promoção Da Saúde; Health Promotion; Historical-Cultural Approach; Physical Disabled Children; School Inclusion
  • Notas: Dissertação (Mestrado)
  • Descrição: A história que permeia a deficiência está imbuída de significações ligadas a preconceito e exclusão que se fazem presentes na atualidade e dificultam que as mudanças políticas sejam transpostas para as atitudes sociais. Assim, crianças deficientes vivenciam dependência a terceiros, inclusão escolar prejudicada, discriminação, sentimento de incapacidade, e vulnerabilidade frente a falta de disposição de serviços públicos efetivos. Esse estudo pretendeu articular saúde e educação como aspectos indissociáveis da vida humana, e o objetivo foi compreender os processos de significação relacionados à inserção de escolares deficientes físicos na educação básica, a partir dos princípios da política de promoção da saúde. Trata-se de um estudo de abordagem qualitativa, fundamentado na abordagem histórico-cultural, no qual utilizamos entrevistas semiestruturadas, observação participante e diário de campo como recursos metodológicos. O trabalho de campo teve início após as devidas autorizações do Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos e durou aproximadamente um ano. Ao final, quatro crianças, suas quatro mães e oito professores aceitaram participar da pesquisa, totalizando 16 sujeitos entrevistados e quatro contextos escolares observados. A análise temática indutiva proposta por Braun e Clarke (2007) foi empregada, sendo respeitado o percurso indicado por estas autoras. A construção dos dados acarretou na caracterização detalhada dos participantes e seus contextos socioculturais, bem como na produção de três temas, a saber: 1) Significações do conceito de deficiência e de deficiência física no processo de inclusão escolar; 2) Cadeira de rodas, dois lados da mesma moeda e 3) Escola inclusiva e promoção de saúde: uma perspectiva do modelo social da deficiência. Em suma, este estudo foi eficaz em alcançar seus objetivos propostos, apresentando importantes significações envolvidas no processo de inclusão do aluno deficiente físico. Esperamos que este trabalho contribua para a prática junto a estes escolares e inspire pesquisadores a investigarem a articulação da Educação Inclusiva com a Promoção da Saúde em seus diferentes estados, países e contextos, auxiliando profissionais que atuam na prática escolar e de saúde a lidarem com a temática
  • DOI: 10.11606/D.22.2018.tde-23012018-164332
  • Editor: Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP; Universidade de São Paulo; Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
  • Data de publicação: 2017-09-29
  • Formato: Adobe PDF
  • Idioma: Português

Buscando em bases de dados remotas. Favor aguardar.