skip to main content

O ensino da compreensão oral em Francês Língua Estrangeira: desenvolvimento de estratégias e formação do professor crítico-reflexivo

Medeiros, Hyanna Carollyne Dias De

Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP; Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas 2017-04-04

Acesso online. A biblioteca também possui exemplares impressos.

  • Título:
    O ensino da compreensão oral em Francês Língua Estrangeira: desenvolvimento de estratégias e formação do professor crítico-reflexivo
  • Autor: Medeiros, Hyanna Carollyne Dias De
  • Orientador: Costa, Heloisa Brito de Albuquerque
  • Assuntos: Competência; Compreensão Oral; Ensino; Formação De Professores; Francês Língua Estrangeira; Teachers' Training; Skill; Listening Comprehension; French As A Foreign Language; Teaching
  • Notas: Dissertação (Mestrado)
  • Notas Locais: Versão corrigida
  • Descrição: Com o avanço das tecnologias, dos processos de internacionalização das universidades e da crescente possibilidade de interação em contextos profissionais, as situações de comunicação em língua estrangeira têm sido cada vez mais presentes. Inserido nesse cenário, o indivíduo deve ser capaz de compreender documentos orais e escritos, expressar-se e interagir em uma determinada língua estrangeira. No âmbito do ensino-aprendizagem do Francês Língua Estrangeira, estudos realizados apontam a compreensão oral como uma das competências mais difíceis de desenvolver e uma das mais indispensáveis para favorecer a interação em língua francesa (GREMO; HOLEC, 1990, PORCHER, 1995; CORNAIRE, 1998; CUQ; GRUCA, 2009). Tal constatação nos levou a refletir, a discutir e a investigar quais seriam as questões centrais relacionadas à compreensão oral que deveriam integrar a formação inicial do professor de francês visando seu desenvolvimento para o ensino dessa competência em sala de aula a partir do uso de documentos orais autênticos. As referências teóricas adotadas basearam-se nos estudos acima sobre compreensão oral, sobre a postura crítico-reflexiva do professor (BROWN, 1997; SHÖN, 2000; PERRENOUD, 2002; ALMEIDA FILHO, 1997, 2000, 2006) e, também, sobre o desenvolvimento e mobilização do sentido de plausibilidade (PRABHU, 1987, ALMEIDA FILHO, 1997). Para a realização desta pesquisa, de natureza qualitativa-interpretativista, selecionamos o método pesquisa-ação (THIOLLENT, 1986). Inserida em contexto de formação inicial de professores, esta pesquisa integrou a disciplina Atividades de Estágio, do Curso de Licenciatura em Letras/Francês da Universidade de São Paulo por meio da elaboração e aplicação do módulo Ensino da compreensão oral em Francês. Com o auxílio de instrumentos formativos metarreflexivos, que configuraram espaço de reflexão crítica, os participantes foram levados a analisar as proposições de atividades de compreensão oral elaboradas e apresentadas pelo professor-pesquisador com objetivo de conscientizar o futuro professor a respeito dos critérios a serem considerados para seleção, análise e didatização de documentos orais. Ademais, durante o desenvolvimento do módulo, os participantes foram levados a propor atividades de compreensão oral que foram igualmente analisadas dentro da perspectiva teórica adotada. O corpus desta pesquisa foi constituído, portanto, pelas respostas dos participantes registradas nos questionários e nas fichas metarreflexivas utilizadas ao longo da formação, bem como pelas atividades elaboradas por eles. Num primeiro momento, as análises dos resultados mostraram a necessidade de reforçar o ensino da compreensão oral como item de formação didático-metodológica nas disciplinas de Licenciatura dos Cursos de Letras, o que significa discutir as etapas de seleção, análise e didatização de documentos orais junto aos licenciandos. Num segundo momento, a análise dos dados obtidos demonstrou que os instrumentos de metarreflexão utilizados na pesquisa favoreceram a participação dos futuros professores e contribuíram para o desenvolvimento de sua reflexão-crítica. Por último, a conscientização dos procedimentos didático-metodológicos, visando o desenvolvimento da compreensão oral em língua estrangeira, aproxima o aluno em formação de situações de sala de aula e permite, no espaço de formação inicial na Licenciatura, que vários questionamentos sejam realizados, gerando mais aprendizado e promoção de autonomia nos futuros professores.
  • DOI: 10.11606/D.8.2017.tde-07082017-194408
  • Editor: Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP; Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
  • Data de publicação: 2017-04-04
  • Formato: Adobe PDF
  • Idioma: Português

Buscando em bases de dados remotas. Favor aguardar.