skip to main content
Tipo de recurso Mostra resultados com: Mostra resultados com: Índice

Ἀλήθεια como desvelamento: Heidegger sobre o conceito de verdade em Platão e consequente crítica

Debatin, Gabriel

Synesis, 2018, Vol.10(1), pp.59-74

Texto completo disponível

Citações Citado por
  • Título:
    Ἀλήθεια como desvelamento: Heidegger sobre o conceito de verdade em Platão e consequente crítica
  • Autor: Debatin, Gabriel
  • Assuntos: Ἀλήθεια ; Ontologia ; Filologia Clássica ; Ἀλήθεια ; Ontology ; Classical Philology
  • É parte de: Synesis, 2018, Vol.10(1), pp.59-74
  • Descrição: This article adduces the interpretation of Martin Heidegger’s concept of ἀλήθεια – traditionally translated by truth – in the philosophy of Plato, from the illustrious allegory of the cave present in the Republic. According to Heidegger’s initial standpoint, the Greeks originally thought ἀλήθεια as unconcealment up to Plato, with whom the meaning of the term changes and goes on to express the rectitude of perception. However, the philological criticism uttered against Heidegger by Paul Friedländer modified his initial historicphilological position, passing to sustain that the Ancients Greeks, although they have experimented the original event of ἀλήθεια, were not able to express it as such. Ergo, Heidegger also abandoned the thesis that there was in Plato an essential change in the meaning of ἀλήθεια.
    O presente artigo aduz a interpretação de Martin Heidegger do conceito de ἀλήθεια – tradicionalmente traduzido por verdade – na filosofia de Platão, a partir da célebre alegoria da caverna presente na República. Segundo o posicionamento inicial de Heidegger, ἀλήθεια era originalmente pensada pelos gregos como desvelamento até Platão, com quem o sentido do termo se transforma e passa a expressar a retitude da percepção. Contudo, as críticas filológicas proferidas contra Heidegger por Paul Friedländer fizeram com que seu posicionamento histórico-filológico inicial fosse em certa medida alterado, passando a sustentar que os gregos antigos, embora tivessem experimentado o acontecimento original de ἀλήθεια, não foram capazes de expressá-lo como tal. Por conseguinte, Heidegger também abandonou a tese de que houve em Platão uma mudança essencial no sentido de ἀλήθεια.
  • Idioma: Português

Buscando em bases de dados remotas. Favor aguardar.